Sexta, 28 de Janeiro de 2022
25°

Poucas nuvens

Ubá - MG

Estado Greve

Deputados cobram valorização de servidor do Sisema

Servidores estaduais do Meio Ambiente entraram em greve no último dia 29

07/12/2021 às 10h46 Atualizada em 16/12/2021 às 11h49
Por: Redação Fonte: ALMG e Sindsema - MG
Compartilhe:
Reprodução Internet
Reprodução Internet

A valorização dos servidores do Sistema Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Sisema) foi uma das cobranças dos parlamentares, na manhã desta segunda-feira (6), em reunião do 2º ciclo do Assembleia Fiscaliza 2021. A iniciativa da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) tem como objetivo ampliar o papel fiscalizador do Legislativo estadual.

No encontro, acompanhado por representantes desses servidores que estão em greve, a secretária de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável, Marília Carvalho de Melo, prestou contas da gestão da sua pasta de janeiro até outubro deste ano.

A reunião foi comandada pela Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável e contou com participação das Comissões de Minas e Energia, de Agropecuária e Agroindústria e a Extraordinária das Energias Renováveis e dos Recursos Hídricos.

A deputada Beatriz Cerqueira (PT) destacou que os servidores do Sisema estão em greve neste momento, o que decorre da falta de uma política que os valorize. Ela leu uma carta da categoria em que enfatiza as dificuldades que encontra, o que tem culminado na evasão de profissionais do sistema.

“Estamos no terceiro ano do governo Zema e o que me chama a atenção é a falta de políticas de valorização dos servidores. Ainda que não dê para atender a tudo, qual é a proposta do governo nesse sentido?”, questionou.

O deputado Noraldino Júnior (PSC), que preside a Comissão de Meio Ambiente, corroborou a fala de Beatriz Cerqueira. Ele defendeu a importância dos servidores do Sisema para o Estado e da necessidade de que seus pleitos sejam analisados. 

O deputado Gustavo Santana (PL) pediu que o Estado valorize a secretaria, com infraestrutura que permita aos seus servidores continuarem no órgão exercendo seu trabalho de excelência.

Líder de Governo, o deputado Gustavo Valadares (PSDB) disse que o governo está sensível para o problema dos servidores e as negociações estão caminhando para uma solução definitiva.

Manifesto de Greve do Sisema

O Sindicato dos Servidores Públicos do Meio Ambiente no Estado de Minas Gerais, SINDSEMA, representante legal da categoria dos Servidores Públicos do Meio Ambiente e da ARSAE, informou no último dia 26 de novembro que, face à não obtenção de respostas e soluções às reivindicações da categoria, os Servidores Estaduais do Meio Ambiente decidiram, em Assembleia Geral Extraordinária, realizada no dia 23/11 pela greve por tempo indeterminado a partir do dia 29 de novembro. Em pauta: Encaminhamento do Plano de Carreira dos servidores do meio ambiente à Assembleia Legislativa de Minas Gerais, conforme Acordo de Greve Judicial homologado em 2016 e a retirada imediata dos 50% restantes do fator redutor da fórmula de cálculo da GEDAMA, conforme acordo firmado com o Governo em 2015.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias