Sexta, 28 de Janeiro de 2022
24°

Poucas nuvens

Ubá - MG

Cultura Patrimônio

Governo de Minas reconhece fabricação do doce de leite Viçosa como de 'interesse cultural'

Agora, órgãos relacionados às políticas de patrimônio cultural do Estado podem 'proteger' o processo de fabricação da iguaria da Zona da Mata

07/01/2022 às 17h00 Atualizada em 15/01/2022 às 14h41
Por: Redação Fonte: Rádio Itatiaia
Compartilhe:
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O Governo de Minas reconheceu o processo de fabricação do doce de leite Viçosa como "de relevante interesse cultural do Estado". A lei foi publicada na edição dessa quinta-feira (6) no Diário Oficial do Estado. De acordo com o texto, o processo de fabricação da iguaria poderá ser objeto de proteção específica pelos órgãos responsáveis pela política de patrimônio cultural.

Em maio do ano passado, o processo de fabricação do doce de leite Viçosa, produzido na região da Zona da Mata, foi reconhecido como patrimônio cultural pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais. Produzido desde 1988, o doce de leite é fabricado pela Fundação Arthur Bernardes (Funarbe), ligada à Universidade Federal de Viçosa. O processo de fabricação levou o produto a ser o recordista de conquistas do Concurso Nacional de Produtos Lácteos. O título foi destinado ao Doce de Leite de Viçosa em 2001, 2004, 2006, 2008, 2011, 2012, 2013, 2015, 2016 e 2019.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias