Quarta, 18 de Maio de 2022
11°

Tempo aberto

Ubá - MG

Estado Obras rodoviárias

Governo de Minas trabalha na recuperação de rodovias na Zona da Mata

Ação faz parte do programa Provias, pacote de obras rodoviárias

28/04/2022 às 13h37 Atualizada em 03/05/2022 às 09h26
Por: Redação Fonte: Agência Minas
Compartilhe:
Foto: Seinfra/Divulgação
Foto: Seinfra/Divulgação

O Governo de Minas vem trabalhando na recuperação funcional das rodovias MG-111 e AMG-2905, na Zona da Mata. A melhoria é contemplada pelo Provias, maior pacote obras rodoviárias da última década, segundo o governo. No momento, aproximadamente um terço da obra já foi executado pelo Departamento de Edificações e Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER-MG).

Os trechos beneficiados vão de Ipanema a Manhuaçu e do entroncamento da MG-111 até Simonésia, somando 82,5 quilômetros. Serão investidos R$ 28 milhões somente nesses trechos.

De acordo com o governo mineiro, estão sendo executados o remendo profundo, fresagem do pavimento em pontos específicos, recapeamento e reforço de capa asfáltica. Após esta etapa, as rodovias vão ganhar nova sinalização horizontal e reforço na sinalização vertical, garantindo segurança para quem trafega pela região.

O Provias

O programa tem como objetivo reverter a situação precária em que se encontram muitas rodovias mineiras. Segundo o governo, o Provias contará com R$ 2 bilhões em investimentos, que serão aplicados em 99 intervenções em rodovias de todas as regiões do estado.

O governo de Minas ressalta que, dos recursos destinados ao Provias, R$ 1,4 bilhão é originado do Acordo Judicial assinado com o objetivo de reparar danos decorrentes do rompimento das barragens da Vale S.A, que tirou 272 vidas e gerou uma série de impactos sociais, ambientais e econômicos na bacia do Rio Paraopeba e em todo o estado de Minas Gerais..

Além disso, cerca de R$ 120 milhões têm origem no Termo de Transação e de Ajustamento de Conduta (TTAC) firmado entre o Governo de Minas e a Fundação Renova. O restante é fruto convênios e emendas parlamentares estaduais e federais, parcerias com empresas e convênios com prefeituras.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
Ele1 - Criar site de notícias