Sexta, 07 de Maio de 2021
32988505633
Saúde Vacinas

Coronavac ou AstraZeneca - Existe uma vacina melhor que a outra?

Em enquete realizada pelo O Noticiário, 62% dos entrevistados responderam a preferência pela Coronavac

28/04/2021 11h39 Atualizada há 2 dias
284
Por: Redação
62% dos entrevistados responderam que preferem a Coronavac
62% dos entrevistados responderam que preferem a Coronavac

Ubá recebeu, na última terça, 27 de abril, mais um lote de vacinas contra a Covid-19, sendo a sua grande maioria do tipo AstraZeneca, de Oxford e produzida pelo laboratório Fiocruz no Brasil. Em enquete realizada no Instagram do O Noticiário, porém, 62% das pessoas responderam que, se pudessem escolher, prefeririam tomar a Coronavac, vacina de origem chinesa e produzida pelo Butantan. 

Mas você sabe qual a diferença entre elas? Listamos aqui algumas características das duas vacinas autorizadas pela Anvisa:

CoronaVac

A vacina de origem chinesa é feita com o vírus inativado: ele é cultivado e multiplicado numa cultura de células e depois inativado por meio de calor ou produto químico. Ou seja, o corpo que recebe a vacina com o vírus —já inativado— começa a gerar os anticorpos necessários no combate da doença.

As células que dão início à resposta imune encontram os vírus inativados e os capturam, ativando os linfócitos, células especializadas capazes de combater microrganismos. Os linfócitos produzem anticorpos, que se ligam aos vírus para impedir que eles infectem nossas células.

A eficácia geral da CoronaVac é 50,38%, ou seja, os vacinados têm 50,38% menos risco de adoecer e, caso pegue covid-19, a vacina oferece 100% de eficácia para não adoecer gravemente e 78% para prevenir casos leves.

Oxford/AstraZeneca

A vacina produzida pela Universidade de Oxford (Reino Unido) usa uma tecnologia conhecida como vetor viral não replicante. Por isso, utiliza um "vírus vivo", como um adenovírus (que causa o resfriado comum), que não tem capacidade de se replicar no organismo humano ou prejudicar a saúde.

Este adenovírus também é modificado por meio de engenharia genética para passar a carregar em si as instruções para a produção de uma proteína característica do coronavírus, conhecida como espícula. Ao entrar nas células, o adenovírus faz com que elas passem a produzir essa proteína e a exiba em sua superfície, o que é detectado pelo sistema imune, que cria formas de combater o coronavírus e cria uma resposta protetora contra uma infecção.

A AstraZeneca e a Universidade de Oxford anunciaram dois resultados distintos de eficácia desta vacina —62% quando aplicada em duas doses completas e 90% com meia dose seguida de outra completa. A eficácia média, segundo os cientistas responsáveis, é de 70%.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ubá - MG
Atualizado às 19h47 - Fonte: Climatempo
24°
Poucas nuvens

Mín. 17° Máx. 33°

24° Sensação
10.5 km/h Vento
73.8% Umidade do ar
90% (5mm) Chance de chuva
Amanhã (08/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 28°

Sol com muitas nuvens e chuva
Domingo (09/05)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 27°

Sol com muitas nuvens e chuva
Ele1 - Criar site de notícias