Terça, 27 de Julho de 2021
32988505633
Cidade Vacinação

Prefeitura de Ubá emite nota negando aplicação de doses vencidas da vacina AstraZeneca

Segundo comunicado, a Secretaria de Saúde possui o controle rigoroso de todos os prazos das vacinas armazenadas e distribuídas à população

05/07/2021 18h41 Atualizada há 2 semanas
168
Por: Redação
Cruzamento de dados diz que 26 mil doses vencidas da AstraZeneca foram aplicadas. Foto Reprodução Internet
Cruzamento de dados diz que 26 mil doses vencidas da AstraZeneca foram aplicadas. Foto Reprodução Internet

A Prefeitura de Ubá, através de sua Assessoria de Imprensa, emitiu comunicado oficial nesta segunda, 5, desmentindo boatos de que remessas da vacina AstraZeneca tenham sido usadas fora da validade na cidade. O comunicado surge após a divulgação de que 26 mil doses da vacina poderiam ter sido usadas fora da validade no país. Confira a nota na íntegra:

"A Prefeitura de Ubá, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), esclarece que todas as doses do imunizante AstraZeneca foram administradas dentro do prazo determinado pelo fabricante no município. A SMS possui o controle rigoroso de todos os prazos das vacinas armazenadas e distribuídas à população, a fim de realizar de maneira segura e com todos os cuidados a campanha de vacinação contra Covid-19 na cidade.

A Prefeitura reafirma que em momento algum foram aplicadas vacinas fora do prazo de validade.  Por fim, ressalta que todos os profissionais destacados pelo município para aplicação das vacinas adotam as boas práticas de vacinação, dentre as quais, a checagem do prazo de validade, em três etapas: durante o recebimento, distribuição e aplicação da dose."

Cruzamento de dados diz que 26 mil doses vencidas da AstraZeneca foram aplicadas

Um levantamento baseado no cruzamento de dados oficiais do governo federal aponta que ao menos 26 mil pessoas podem ter recebido doses vencidas da vacina AstraZeneca contra a Covid-19. O trabalho dos pesquisadores Sabine Righetti, da Unicamp, e Estêvão Gamba, da Unifesp, foi publicado no dia 2 de julho pelo jornal "Folha de S. Paulo".

Prefeituras citadas negam o problema e atribuem o achado do levantamento a falhas na inclusão de dados no Sistema Único de Saúde (SUS), que recebeu anotações com atraso de até dois meses. Ao menos uma cidade (Alagoa Grande - PB) admitiu ter aplicado 72 doses vencidas.

O Gabinete Integrado de Acompanhamento da Epidemia Covid-19 (Giac), da Procuradoria da República pediu ao Ministério da Saúde e à Anvisa informações sobre eventual aplicação de doses de vacina da AstraZeneca fora do prazo de validade. A PGR deu cinco dias para os órgãos responderem.

Em nota conjunta, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e o Conselho Nacional de Secretários Municipais de Saúde (Conasems) dizem que todos os casos serão investigados e "não está descartado erro do Sistema de Informação do Programa Nacional de Imunizações, que desde o início da Campanha de Vacinação apresenta instabilidade no registro dos dados".

O Ministério da Saúde informou que todas as doses são enviadas dentro do prazo e que, caso aplicações fora do período ocorram, é preciso passar por uma nova aplicação "respeitando um intervalo de 28 dias entre as doses".

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ubá - MG
Atualizado às 17h58 - Fonte: Climatempo
26°
Poucas nuvens

Mín. 14° Máx. 29°

26° Sensação
12.6 km/h Vento
40% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (28/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 16° Máx. 32°

Sol com algumas nuvens
Quinta (29/07)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 15° Máx. 28°

Sol com muitas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias