Segundo pesquisa impunidade mantém violência sexual no Brasil

13/12/2016

Segundo uma pesquisa divulgada pelo Instituto Patrícia Galvão, 76% das mulheres e 67% dos homens ouvidos pensam que a impunidade é o principal motivo para que um homem pratique violência sexual contra uma mulher.

 

De acordo com a pesquisa encomendada ao Instituto Locomotiva, 59% dos entrevistados acreditam que as vítimas de violência sexual que denunciam seus agressores não recebem o apoio de que precisam. E 54% acreditam que as vítimas não contam com o apoio do estado para denunciar o agressor.

 

Segundo a diretora executiva do Instituto Patrícia Galvão, Jacira Melo, o sistema de segurança pública culpa a mulher e busca justificativas. “O que se vê no sistema de segurança pública é o tempo todo a pergunta: 'onde essa mulher estava?' Com que roupa ela estava?' Quando se busca justificativas, isso acaba, socialmente falando, autorizando esse crime”, ressaltou ao site Agência Brasil.

 

Mulheres vítimas de violência

 

A pesquisa também mostra que 39% das mulheres entrevistadas afirmam ter sido submetidas a algum tipo de violência sexual. Pela amostragem, é possível estimar que 30 milhões de brasileiras já foram vítimas de violência sexual.

 

Muitas mulheres e homens não sabem quais são todas as ações que configuram a violência sexual: espontaneamente, apenas 11% das entrevistadas afirmaram já ter sofrido alguma forma de violência sexual, mas o número sobe para 39% quando são apresentadas a uma lista de situações. Quanto aos homens, apenas 2% admitem espontaneamente ter cometido violência sexual, mas diante da lista de situações, 18% reconhecem ter praticado a violência.

 

Fonte: Agência Brasil

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Destaque
Please reload

Últimas
Please reload

Facebook

JORNAL O NOTICIÁRIO © 2016 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS