Sindicato dos bancos deflagra greve

27/04/2017

Os trabalhadores do ramo financeiro da Zona da Mata e Sul de Minas aprovaram a deflagração de greve, nesta sexta-feira, 28 de abril. Segundo o Sindicato dos Bancários, a data está na agenda de toda a classe trabalhadora. "A paralisação está diretamente ligada à serie de retrocessos propostos pelo governo Temer, como as reformas trabalhista e da Previdência, além da terceirização sem limites e o desmonte das empresas públicas, como Caixa e banco do Brasil", destaca o Sindicato.

 Na segunda-feira, 1º de maio - feriado nacional do Dia do Trabalho, também não haverá atendimento nas agências bancárias. A população poderá utilizar os canais alternativos de atendimento para realizar operações bancárias, como caixas eletrônicos, internet banking, mobile banking, banco por telefone e correspondentes.

 

Segundo a Federação Brasileira dos Bancos, as contas de consumo (água, luz, telefone e TV a cabo, por exemplo) e carnês com vencimento marcado para a data poderão ser pagos no dia 2, próximo dia útil ao feriado, sem incidência de multa. Os tributos, normalmente, já estão com data ajustada pelo calendário de feriados (federais, estaduais e municipais).

 

 Os clientes também podem agendar o pagamento das contas de consumo ou pagá-las (as que têm código de barras) nos próprios caixas automáticos. Já os boletos bancários de clientes cadastrados como sacados eletrônicos poderão ser agendados ou pagos via débito automático.

Fonte: Federação Nacional dos Bancos

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Destaque
Please reload

Últimas
Please reload

Facebook

JORNAL O NOTICIÁRIO © 2016 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS