Hematologista reforça Campanha Solidária para doação de Sangue

04/12/2017

A Campanha Solidária de Sangue para o Hemocentro de Minas Gerais tem sido reforçada pelos hospitais de Ubá e Região. No mês passado, o Hospital Santa Isabel precisou de mais de 200 transfusões em uma única semana. A maior procura é pelo tipo O+

 

Ainda no mês passado, houve necessidade de adiamento de cirurgias por causa do problema, e idosos e crianças ficaram esperando. Os procedimentos foram realizadas porque parentes e amigos dos pacientes doaram.

 

Segundo a responsável técnica pela Agência Transfusional do Hospital Santa Isabel, Gerusa Teixeira "[...] cirurgias "mais urgentes" têm que ser realizadas com prioridade, mas, cirurgias ortopédicas por exemplo, de Fêmur, estão deixando de ser feitas por falta e Sangue no estoque, e isso é preocupante" explicou. 

 

Antes de cancelarem o movimento, todo sábado uma van com doadores era enviada ao Hemocentro de Juiz de Fora (MG), mas por questões de política, não há mais vans sendo enviadas nos finais de semana.

 

Ainda segundo Gerusa, não há como montar hemocentro em Ubá por causa de questões também políticas, e não é responsabilidade do Hemocentro de Minas Gerais, falta sangue porque falta doadores. "Meu apelo é para conscientizar a população sobre o problema e incentivar a doação de sangue" explica Gerusa.  

 

Após o apelo ser publicado pela imprensa, o movimento conscientizou mais pessoas segundo a profissional: "[...] a ajuda da imprensa é muito importante. Conseguimos melhorar os estoques. E não adiamos nenhum procedimento essa semana graças a Deus" comemora.

 

Abaixo, alguns pré-requisitos para ser um doador:

 

- Ter e estar com boa saúde;

- Não ter tido hepatite após os 10 anos;

- Ter idade entre 18 e 64 anos;

- Pesar acima de 50 kg;

- Dormir bem na noite anterior à doação;

- Não ter comportamento de risco para doenças sexualmente transmissíveis;

- Não estar gripado, resfriado, com diarréia ou febre;

- Não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 12 horas;

- Não ser usuário de drogas;

- Não apresentar ferimento ainda não cicatrizado;

- Não estar grávida ou em período de amamentação. Após o parto normal é necessário aguardar 3 meses, após a cesárea 6 meses;

- Não ter sido submetido a endoscopia ou broncoscopia nos últimos 12 meses;

- Não ter feito tatuagem nos últimos dozes meses;

- Não doe sangue em jejum. Pela manhã, alimente-se antes; à tarde dê um intervalo de três horas após o almoço;

- Tratamento dentário impede a doação por um período de 01 a 30 dias, conforme o caso;

- O prazo mínimo entre uma doação de sangue total é de 60 dias para homens e de 90 dias para as mulheres. Para doadores com idade entre 60 e 64 anos, o intervalo é de 6 meses;

- A menstruação e o uso de pílulas anticoncepcionais não impedem a doação;

- Homens podem realizar no máximo 4 doações por ano e mulheres até 3 doações.

 

Para ter acesso a todas as informações sobre doação e esclarecer quaisquer dúvidas, clique aqui e acesse a aba específica no Site Oficial do Hospital Santa Isabel de Saúde

 

Também é possível agendar a ida ao Hemocentro e obter mais informações através dos números (32) 3539-1059 e (32) 3539-1058.

 

 

 

 

 

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Destaque
Please reload

Últimas
Please reload

Facebook

JORNAL O NOTICIÁRIO © 2016 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS