Ministério revoga medida exigida na renovação da CNH

19/03/2018

 ​

 

 

O Ministério das cidades informou no dia 17 de março que determinou a revogação da resolução que tornaria obrigatório novo procedimento para a renovação da carteira de motorista (CNH)

 

Pela resolução do Cotran (Conselho Nacional de Trânsito), os motoristas que renovassem a carteira a partir de junho, teriam que passar por um curso teórico de 10 horas / aula. A nova seria somada aos exames médicos que precisam ser feitos para manter a carteira válida.​ O motorista teria que fazer duas balizas para tirar a primeira carteira e estipulava que a CNH para motos passaria a exigir exames nas ruas.

 

Segundo a pasta, o propósito da revogação é não mudar a vida de quem precisa renovar a carteira, além de "reduzir custos e facilitar a vida do brasileiro".

 

A revogação será formalizada "no próximo dia útil", entre segunda (19) e terça (20) da próxima semana.  

 

Após o anúncio da medida, motoristas se revoltaram e fizeram inúmeras críticas nas redes sociais - criarando uma petição pública on-line em oposição a exigência do curso. Até ontem, mais de 71 mil pessoas haviam assinado.

 

 

 

Compartilhe no Facebook
Compartilhe no Twitter
Please reload

Destaque
Please reload

Últimas
Please reload

Facebook

JORNAL O NOTICIÁRIO © 2016 TODOS OS DIREITOS RESERVADOS